Professor e Rapper conta sua história com a música desde a periferia da cidade de Guarulhos.

Grafite realizado na E.E Cidade Soimco II – evento organizado pelos professores para desenvolver a conscientização na escola e no bairro através da arte.

Minha história com o RAP começou ainda quando criança, mas o despertar aconteceu aos 10 anos, (com essa mesma idade perdi meu pai), quando os carros passavam batendo forte nos falantes com as músicas Fim de Semana no Parque e Homem na estrada, ambas dos Racionais MC´s, Disco Raio X Brasil, ficávamos ali tentando decorar as letras das músicas que descreviam toda a realidade ao nosso redor, mais de 20 crianças, brincando nas ruas o dia inteiro, e na minha mente, aquelas palavras das músicas faziam todo sentido quando eu andava pelas ruas.

A partir de 1994, o RAP se fez ainda mais presente em minha vida, e influenciaria toda a minha adolescência, meu estilo de vida e gosto musical, a década de 90 foi uma fase maravilhosa para o RAP nacional com sua afirmação como cultura popular brasileira, e identificação direta com todas as favelas do Brasil, está em seu DNA, é característica desse movimento, ser a voz dos excluídos. Com 16 anos, comecei a rabiscar meus primeiros versos, em 2004 conheci os integrantes da antiga rádio de RAP Costa Norte, aqui de Guarulhos, e durante esse tempo fui desenvolvendo e adquirindo ainda mais experiência sobre esse movimento.

Grafite realizado durante gravação do clipe

Durante o ano de 2012 comecei a fazer apresentações na Cidade de Guarulhos, em sarais, ocupa a praça e outros eventos pela Cidade. Mas foi em 2013 que aconteceu uns dos momentos mais gratificantes durante essa caminhada, em 22 de Setembro daquele ano, ocorreu o Primeiro Congresso de Hip Hop de Guarulhos, com a participação de vários Rappers conhecidos Nacionalmente e Mundialmente, como Dexter, GOG, DJ KL Jay, Renan Inquérito, Alessandro Buzo, Sharylaine entre tantos outros, e mais trinta coletivos da Cidade do qual eu fazia parte de um, poder cantar no mesmo palco em que os cantores que você cresceu ouvindo estão, é alucinante, não tem preço, esse dia ficará gravado na memória, por tudo que representou.

A Música Hecatombe Social nasce no mesmo ano do congresso, porém a gravação e o vídeo clipe ocorreu em Agosto de 2020, e as condições sociais que a letra retrata não mudaram em nada na vida dos brasileiros, da mesma forma que esses problemas se arrastam desde o final do século XIX, com o fim da escravidão nossos antepassados não tiveram nenhuma reparação cultural, social, financeira ou histórica, foram jogados às margens da sociedade e perseguidos posteriormente, com a República Velha os militares tomaram gosto pelo poder, e iram utilizar desses artifícios no século XX e século XXI, e durante a República Oligárquica as elites desenvolveram um sistema politico corrupto, que as mantinham no poder e garantiam seus privilégios e cargos, problemas Sócio-político que perduram até os dias atuais.

O Grito da Abolição foi dado em 1888, mas ainda não surtiu efeito, assim como tantos outros gritos que foram dados e sufocados em seguida pelo sistema.

Por Garub, professor de escola pública e rapper da periferia da cidade de Guarulhos.

Novo clipe Hecatombe Social.
Agradeço ao Nocivo Shomon e a Bushido pelos projetos que vêm sendo realizados com os Mc’s. Esses projetos estão fazendo a diferença na vida de milhares de excluídos.

HECATOMBE SOCIAL

ENCONTREM O AMOR

E MULTIPLIQUE EM PASSOS LARGOS

OU SOBRARÃO

ESTILHAÇOS DE C4

EMBARGOS INFRINGENTES LEGALIZA A CORRUPÇÃO

RESULTADO!

MISÉRIA, VIOLÊNCIA EXECUÇÃO

NO CAIXA ELETRÔNICO

POLICIA OU LADRÃO

DE QUEM É A AUTORIA?

DA EXPLOSÃO?

AUMENTE O ZOOM

COPIEM A DIGITAL

SÉCULO XXI

A ESPIONAGEM É VIRTUAL

LENTES POTENTES

VIGIANO, MINHA VIDA E A SUA

SÓ NÃO VIGIA NO BRASIL

CRIANÇAS IDOSOS MORRENDO NAS RUAS

AVANÇOS NANO TECNOLOGIA

PORÉM

SERVIÇOS BÁSICO NAS FAVELAS

AINDA É O SONHO DE CADA DIA

SEGURANÇA,EDUCAÇÃO ,MORADIA, SAÚDE

LAZER COM A FAMÍLIA

INFELIZMENTE COMO PODEMOS VER

O EXTREMO ENTRE O QUERE E PODER TE

É INCALCULAVEL

ALI

SURGI UM NOVO PERSONAGEM

O FRIO A FOME

SÓ NA PELE PRA SABER

SEI QUE É FRUSTRANTE

PORQUE SE ILUDE?

SUBTRAIDOS, ENGANADOS, ESQUECIDOS

DESDE O CORDÃO UMBILICAL

HOJE TEM NAS RUAS

O INVASOR SOCIAL

ARTG. 5º DA CONSTITUIÇÃO,

É O MENOR DE FUZIL NA MÃO

ENQUANTO AS COISAS NÃO MUDAREM

ENTÃO SE PREPAREM

Vida loka, TALIBÃS, Hamas, KAMIKAZES

CANUDOS,ANABATISTAS

COMUNAS,LAMARCAS,EXTREMISTAS

PROLETÁRIO NAS RUAS

QUE AS VOZES SI DIFUNDAM

A CONTRA PARTIDA

ARISTOCRACIA, BURGUESIA PLAYBOIZADA

NÃO ABREM MÃO DA MAIS VALIA

ENTAO SEGURA A RAJADA

HOJE OS MINISTÉRIOS

PRO POVO É UM MISTÉRIO

O PARAISO

ELE É FISCAL

DINHEIRO PÚBLICO DESVIADO

PARA O EXTERIOR

NA FAVELA

SÓ QUANDO CRIANÇA

PRA PENSAR EM SER DOUTOR

SEGUE O PRANTO

POBRE BRASILEIRO

É ABATIDO EM HOSPITAL

NO JORNAL

PAGINA POLICIAL

PROTEÇÃO

SÃO SEBASTIÃO

PORQ NO RIO

DESDE A ABORDAGEM DA POLÍCIA O AMARILDO SUMIU

EM SP

GRUPOS DE EXTERMINIO

É EXTREMO O GENOCIDIO

SOBREVIVO EM MEIO HOLOCAUSTO

MULTI ESTADUAL

MASSA MANOBRADA

NOVELA PUTARIA FUTEBOL

TABACO, ALCOOL É LETAL

MAIS TÁ TUDO LIBERADO NA TV

TÁ NO COMERCIAL

SEDUÇÃO

PRA TE ARRASTA PRO MAL

Tipo GOSTH

VC NÃO VÊEEEEE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *